terça-feira, 12 de julho de 2016

SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 13 – Inspirado na música 

SEU NOME, do grupo MÚSICA EM FAMÍLIA.)


SEU NOME

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



O nome de quem amamos

é para mim uma espécie de oração.

É como se escrevêssemos amor

com outra letras.

Quando o nome é de um filho,

contempla-se um milagre...

Quando o nome é da pessoa amada,

contempla-se a alegria...

Quando o nome é o de um amigo,

contempla-se a esperança...

O nome de uma pessoa,

é o nome de uma vida

 que dá sentido, justifica e explica,

cada segundo da nossa existência.





___________________________________






A HISTÓRIA DO TEXTO





Fico a imaginar

quantos sentimentos

cabem dentro de um nome.

Sentimentos que inspiram

e dão sentido a nossa vida,

nos fazendo sentir

na simples pronúncia daquele nome,

uma infinita e indescritível

sensação de alegria.



O grupo MÚSICA EM FAMÍLIA,

tem feito música para dançar

com os sentimentos.

Esta é uma das que mais gosto.

Impossível ouvir sem pensar

em alguém.






sexta-feira, 3 de junho de 2016

SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 12 – Inspirado na música 

ONDE DEUS POSSA ME OUVIR,

de VANDER LEE)




ONDE DEUS POSSA ME OUVIR...

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Há dias que temos vontade

de encontrar alguém

que nos fale de amor de um modo simples.

Amor tão inundado de verdade,

que toda a sede de vida seria saciada.

Amor tão completo de cores,

que todas as tintas da esperança

 nos seriam devolvidas.

Amor que nos tocando a alma,

nos devolveria a alegria perdida

em alguma das esquinas do coração.


Sabe o que eu mais queria agora minha vida?


Encontrar alguém assim...



___________________________________




A HISTÓRIA DO TEXTO




Não são poucas às vezes

onde tudo o que preciso

é alguém que ocupe os vazios

que existem dentro de mim...


Este poema foi inspirado

na linda música de VANDER LEE,

ONDE DEUS POSSA ME OUVIR,

interpretada pela mágica cantora

LEILA PINHEIRO.


Espero que ele possa chegar ao seu coração...





sexta-feira, 15 de abril de 2016


SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 11 – Inspirado na música  MEU SOL 

de VANGUART)





MEU SOL

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Viver é se entregar...

Se houver erros, aprenderei a corrigi-los...

Se houver acertos, aprenderei a celebrá-los...

Se houver lágrimas, aprenderei a enxugá-las...

Se houver sorrisos, aprenderei a espalhá-los...


Mas tudo só valerá à pena,

Se houver você.

Meu sol de vida e de inspiração,

Que acorda toda a felicidade

Que eu jamais pensei pudesse existir em mim...





__________________________________





A HISTÓRIA DO TEXTO




Às vezes quando tudo é tão cinza

em nossa vida,

aparece alguém com raios de sol,

para nos iluminar os caminhos...


Este poema foi inspirado na música MEU SOL,

do grupo VANGUART.



Espero que gostem.








sexta-feira, 4 de março de 2016

SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 10 – Inspirado na música  NOSSAS HISTÓRIAS 

de OSWALDO MONTENEGRO)



NOSSA HISTÓRIA

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Um dia a tua história

Abraçou a minha história,

E a vida acordou em meu coração.

Então, minha alegria dançou com a tua alegria,

Minha alma voou com a tua alma

E nunca me senti tão dono de mim.



Mas um dia tua história

Disse adeus a minha história,

E eu que já era sozinho,

Ainda mais sozinho fiquei,

Embora ainda hoje

Quando fecho os olhos,

Posso pensar em ti,

E sentir a maravilhosa sensação da tua história,

Escrevendo mil histórias em mim...




____________________________________





A HISTÓRIA DO TEXTO



Há sempre a história

de uma vida a dar sentido a nossa vida.

Pena quando ela parte dos nossos caminhos...

Este poema foi inspirado

na música NOSSAS HISTÓRIAS

de OSWALDO MONTENEGRO,

para mim,

o maior compositor do Brasil,

cujas músicas tocam o coração

de forma única e perfeita...












sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 9 – Inspirado na música  JOÃO DE BARRO 

de RENATO VIANNA)





COMO É TRISTE A SOLIDÃO

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Como é triste a solidão

Para quem um dia amou

E se imaginou amado.

Os dias são longos

E tanto faz se é dia ou noite,

Se existe sol ou se existe lua.

E o maior desafio,

É esperar quem jamais voltará,

Mas cujo calor do corpo

E dos beijos,

Ainda permanece intenso em nossa vida,

Como se fosse hoje

O primeiro dia,

Do primeiro beijo,

Do inesquecível e tão desejado amor...



___________________________________________




A HISTÓRIA DO TEXTO



Amar é sempre uma incerteza.

Uma aposta na alegria

ou na incerteza.

Não amar,

é o mesmo que não viver...


Este poema foi inspirado

na música JOÃO DE BARRO,

de RENATO VIANNA,

ganhador do The Voice Brasil.

Uma canção bela,

embora triste.


Espero que gostem.







sexta-feira, 4 de dezembro de 2015


SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 8 – Inspirado na música  DANÇANDO 

de Pitty e Martin, Projeto Agridoce)


DANÇANDO

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.


Toda beleza do mundo

Está no coração de quem se ama.

Neste coração tudo é especial:

- Um sorvete em dia de sol...

- Um poema em dia de mar...

- Um chocolate em dia de frio...


Se o mundo acabasse hoje,

Não me surpreenderia,

Se dançando nas avenidas do tempo

E do além tempo,

Estivesse você,

Me rodopiando em seus braços

E me protegendo em seu perfeito e infinito amor...




____________________________________________




A HISTÓRIA DO TEXTO




Amar é dançar a música infinita da alegria,

com mãos de colorir horizontes

e olhos de iluminar estrelas.



Este poema foi inspirado

na música DANÇANDO,

projeto acústico da cantora Pitty

com Martin, músico de sua banda.

Uma canção inspiradora.


Espero que gostem.





sábado, 3 de outubro de 2015


APÓS A TUA CHEGADA

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Conto os anos da minha vida,

Após a tua chegada...

O que vivi antes de ti,

Perdeu-se no esquecimento...

Agora tenho a ti...

Tenho a alegria...

Tenho a vida...

Sei o que sou e para onde vou...

Um passo em tua direção

E encontro a felicidade...

Já te amava antes de te encontrar,

E agora ao teu lado,

Já não tenho medo do futuro...

Teu amor me fez nascer de novo...

Minha vida começa depois da tua chegada,

E é a partir deste dia que conto os anos da minha vida...




____________________________________________________





A HISTÓRIA DO TEXTO




A pessoa amada divide a nossa vida

em dois momentos:

Antes e depois da sua chegada.


Esta música de Christina Perri - "A Thousand Years,

trouxe-me a certeza,

de que este sentimento que acredito

é comum a muitas pessoas.


Feliz de quem em um mundo

tão vazio de sentimentos

 ainda insiste em amar,

e acredita ser possível

encontrar a alegria ao lado de alguém.





sexta-feira, 4 de setembro de 2015

SÉRIE POEMAS SOBRE MÚSICAS

(Parte 6 – Inspirado na música  Eu Tenho Tantos Amigos 

de Raimundo Andrade)





EU TENHO TANTOS AMIGOS

Texto de Aluísio Cavalcante Jr.



Eu tenho tantos amigos

Que são a essência de sonhos vivos.

Que tornam a vida mais bela,

E fazem o tempo encontrar o seu sentido.


Pessoas que a vida impõe a alegria,

E que fazem o simples se tornar valioso.

Que dividem sua vida

Para multiplicar outras vidas.

Que despertam dia após dia,

O encanto do sorriso,

O brilho do olhar,

E a canção da amizade...


Eu tenho tantos amigos

Que são a essência de sonhos vivos.

Que escrevem poemas e canções,

No livro de minha vida,

Com a mais bela das tintas,

A tinta que tem cor de coração.


Eu tenho tantos amigos.

E hei de tê-los assim, para sempre...






________________________________________________






A HISTÓRIA DO TEXTO




Sem os amigos que inundam minha vida de esperança,

viver não seria tão perfeito...


Este poema fica mais bonito

quando lido no meio da canção que o vídeo apresenta,

momento onde a música entra em uma parte mais instrumental,

por volta dos 2:30minutos.


Quando ouvi esta canção no maravilhoso

programa do Sr. Brasil do Rolando Boldrin,

apresentado no Rede Cultura as quintas feiras,

cantada pelo músico Raimundo Andrade,

fiquei tão contagiado por sua alegria,

que lembrei dos muitos amigos que tenho

e do bem que fazem a minha vida.


Assim vale a pena gastar alguns minutos

para ler o poema no meio da música, pois afinal,

amizade é algo para ser vivido sem pressa.